Poços de Caldas

Como aproveitar o espaço no apartamento compacto

Como aproveitar o espaço no apartamento compacto

Você sabia que é totalmente possível aproveitar o espaço no apartamento compacto?
Muitas pessoas ficam preocupadas quando o assunto é um apartamento compacto, até porque a grande maioria acredita que o mesmo seja sinônimo de “aperto”.

Nós temos uma notícia muito importante para você: o apartamento compacto pode usar e abusar da decoração de outros fatores para conseguir ampliar o seu espaço!

Aproveitando tudo o que for possível no seu apartamento

Só para você ter uma ideia, em São Paulo os apartamentos diminuíram aproximadamente 29% somente nos últimos 5 anos e essa é uma tendência que tende a não sair de moda!

Confira as dicas que vão ajudar você aproveitar mais espaço:
Cores
As cores vão poder auxiliar você a conseguir um bom resultado final.

Dê preferência para as cores mais claras, pois estas aumentam a sensação de amplitude de um determinado espaço.
É importante ressaltar que não estamos querendo dizer que você não poderá utilizar cores de tonalidades escuras, mas é possível deixar essa parte para os móveis, quadros, almofadas e itens decorativos em um geral.

Utilize espelhos
Os espelhos, além de serem fundamentais na decoração de um apartamento, ainda são capazes de ampliar o espaço.
Você poderá utilizar espelhos em uma parede inteira, mas também, se for da sua preferência, os vários espelhos pequenos também vão poder dar um ar de leveza e suavidade.

Móveis
Os móveis para apartamentos compactos são fantásticos!
Atualmente você pode encontrar no mercado sofá que vira cama, mesinha lateral que pode ser a mesa de jantar, estantes que fazer a divisão dos locais e muito mais.

Existem muitas opções que podem ajudar você aproveitar ao máximo o espaço no seu apartamento. Basta utilizar um pouco da imaginação e contar com a fabricação de móveis planejados, por exemplo.

Sala
A sua sala pode ser compacta sim, mas isso não altera o fato de que é totalmente possível montar um ambiente extremamente confortável e aconchegante.

Você poderá escolher apenas um sofá de 3 lugares, por exemplo e preencher o restante do seu espaço livre com poltronas ou puffs. Além de conseguir ampliar o ambiente, você ainda dá um ar moderno na sala.

Quarto
Existem alguns modelos de cama que contam com gavetas embutidas. Essa é uma ótima alternativa para aproveitar mais o espaço nesse ambiente.

Você gosta de ver TV no quarto? Sem problemas, mas não é necessário ocupar um grande espaço com painéis. Existem alguns modelos de home suspensos que conseguem ser utilizados para várias funções além de segurar a TV.

Banheiro
Reduza ao máximo a quantidade de objetivos que vão ficar expostos na pia. Além de deixar o seu banheiro com um ar de desorganização, ainda acaba atrapalhando a própria utilização desse local.

Deixe na pia somente o que for necessário e o restante você poderá colocar em armários que podem ser embutidos. É uma ótima maneira de aproveitar o espaço e ainda organizar o ambiente.

Cozinha
Na cozinha, você poderá instalar prateleiras e ganchos para poder pendurar alguns utensílios na parede.
Assim você consegue aproveitar o espaço, ter os seus principais utensílios ao alcance da sua mão e ainda contar com uma cozinha funcional e moderna.

O seu apartamento compacto, na medida certa das suas necessidades
Como você pode conferir, aproveitar o espaço no apartamento compacto não é algo tão difícil assim. Siga todas as dicas que foram expostas acima e tenha certeza de que o resultado final será simplesmente incrível. Boa sorte!

Aparelhos – Dra. Luciana Vasconcelos

Aparelhos – Dra. Luciana Vasconcelos

APARELHOS CONVENCIONAIS

APARELHOS CONVENCIONAIS
Ainda é a opção de tratamento mais econômica. Os movimentos dentários são feitos com as peças coladas na frente dos dentes e são usadas borrachinhas coloridas ou amarrações metálicas para prender os fios aos braquetes e realizar os movimentos.

APARELHOS AUTOLIGADOS

APARELHOS AUTOLIGADOS

São aparelhos que eliminam a necessidade do uso de borrachinhas ou amarrações que foram substituídas por tampas presas aos braquetes que travam o fio. Algumas de suas vantagens são:

– Diminuição do acumulo de sujeira por não ter borrachinha;
– Menor atrito, pois o deslize entre o fio e o braquete no início do tratamento ortodôntico, fica mais leve;
– Diminuição considerável do “tempo de cadeira”, tempo que o paciente fica na consulta;
– As consultas podem ser mais espaçadas dependendo da orientação do profissional.

APARELHOS AUTOLIGADOS ESTÉTICOS

APARELHOS AUTOLIGADOS ESTÉTICOS
Estes, além de trazer todos os benefícios de um aparelho autoligado, ainda são estéticos e, dependendo da marca utilizada pelo profissional, são quase que imperceptíveis. Não são utilizadas borrachinhas que encardem em poucos dias e suas peças não tem alteração de cor.

APARELHO LINGUAL

APARELHO LINGUAL
A ortodontia lingual é uma técnica dentre inúmeras outras existentes na ortodontia. O que define é converter à movimentação ortodôntica que era realizada com aparelhos a vista, na frente dos dentes, por uma movimentação de forma absolutamente estética e camuflada, atrás dos dentes. Além dos benefícios estéticos inquestionáveis, o tratamento por meio de aparelho lingual apresenta as seguintes vantagens:
– A visualização clara da evolução do tratamento permitindo que o paciente acompanhe o movimento dos dentes já nos primeiros meses;
– A higiene, ao contrário do que se possa imaginar, é facilitada pela ação da língua;
– Traumas, acidentes e outras agressões na face em pacientes com aparelho lingual são menos lesivos e por isso são muito indicados para praticantes de esportes;
– Não interferem no convívio social do paciente, que podem determinar oportunidades pessoais e profissionais.

APARELHOS ALINHADORES

APARELHOS ALINHADORES
São imperceptíveis e confortáveis, pois diferentes dos aparelhos convencionais, eles não possuem fios metálicos ou braquetes. Seu material de alta tecnologia permite total aderência aos dentes com fácil adaptação. Ajustes feitos na placa em cada consulta ativam a movimentação dos dentes, estas placas quando chegam ao seu limite de ajustes devem ser trocados e assim sucessivamente, até que ocorra a correção proposta.

Luciana-Vasconcelos

Dra. Luciana Vasconcelos
Rua Rio de Janeiro 314,sala 305
Poços de Caldas MG.
Telefone: 35 3721-1977

Dra. Luciana Vasconcelos

Dra. Luciana Vasconcelos

A dentista Luciana Vasconcelos está envolvida em ortodontia há 18 anos e sempre procura renovar e aperfeiçoar o seu conhecimento. Isso porque, o tratamento ortodôntico sempre foi e sempre será muito desafiador, muitos fatores estão envolvidos e há sempre novidades que surgem buscando atingir uma dentição estável, com estética do dente e da face.

Ter um sorriso harmonioso é condição primordial para elevar a autoestima, sobretudo nos dias de hoje. Além do sorriso harmônico, a estética da face é uma das metas a serem alcançadas pelo tratamento ortodôntico e é um dos principais motivos que levam as pessoas a procurarem um ortodontista.

Os dentes não podem ser tratados isoladamente, somente olhando para a oclusão dentária. A movimentação dos dentes altera diretamente a face, causando grandes mudanças no perfil. Por isso, quando é realizado um tratamento deve-se ter em mente sempre a melhora do equilíbrio da face. Ao saber o que pode alterar o perfil do paciente é possível prevenir mudanças indesejáveis em decorrência do tratamento ortodôntico.

Cada caso é único e apresenta um diagnóstico específico que deve ser detalhado ao máximo. Antes de iniciar o tratamento ortodôntico é essencial que a primeira consulta seja realizada de forma precisa, com todas as informações necessárias, visando estabelecer um relacionamento honesto entre profissional e paciente. Muitas vezes existem diferentes aparelhos que podem resolver o mesmo problema. O tipo de aparelho utilizado será definido pelo dentista, em comum acordo com o paciente, visando o melhor resultado possível.

Dra. Luciana VasconcelosLuciana Vasconcelos
– Especialista e Mestre em Ortodontia
– Capacitação e credenciamento em
ortodontia lingual e alinhadores
– Capacitação em DTM
– Habilitada na aplicação de Toxina
Botulínica e Preenchimento Orofacial
– Credenciada Provider do Sistema Damon

Rua Rio de Janeiro 314,sala 305, Poços de Caldas MG.
Telefone: 35 3721-1977

A ortodontia é fantástica

Estes são apenas alguns dos procedimentos realizados no consultório da Dr. Luciana Vasconcelos, pois como já dito, cada caso é único e será avaliado cuidadosamente. A satisfação, contentamento e agradecimento no final do tratamento ortodôntico não tem preço. Dar um sorriso harmônico, agradável e feliz é a melhor recompensa que o ortodontista pode receber.

consultório
consultório2consultório3

Corrida de rua análise biomecânica da corrida

Corrida de rua análise biomecânica da corrida

Corrida de rua

Um dos grandes desafios dos profissionais da área esportiva é observar o desempenho do seu aluno ou atleta e decidir onde a técnica precisa de correção, desta forma, uma análise bem sucedida deve não somente conhecer a proposta do movimento, mas também reconhecer os fatores que contribuem tanto para desencadear lesões, quanto para uma boa execução de movimento.

A análise biomecânica de corrida gera informações precisas sobre os parâmetros posturais, controle motor, distribuição de pressões nos pés, tipo de pé, tipo de pisada e mecanismo de corrida, que após analisados através de imagens, revelam um diagnóstico mais detalhado para traçar um ajustamento e planejamento mais eficaz, seja na busca pelo rendimento, prevenção de lesões ou até na própria reabilitação específica para cada tipo pessoa.

Um ótimo padrão de movimento é aquele que se adéqua melhor às suas possibilidades e que se respeita as suas limitações. É essencial ter bom padrão para evitar lesões, melhorar a performance e, consequentemente, ser um corredor mais feliz.

Marcio

Professor Márcio Rangel
Graduação Bacharel em Educação Fisíca
CREF: 023036-G/MG
Contato: (35)99173 0990
marcinhoedfisica09@hotmail.com

Especialização em musculação e Personal Training
Treinamento em corrida de rua
Preparação física
Treinamento Funcional
Massoterapia
Avaliação Física

A razão da sua dor no ombro pode estar no seu pé

A razão da sua dor no ombro pode estar no seu pé

dor no ombro

A musculatura ao redor das articulações precisa manter um equilíbrio entre força e flexibilidade em todas as direções a fim de sustentar cada articulação na posição ideal, sendo capazes de absorver choques e se mantendo saudáveis, evitando lesões.

Infelizmente o nosso corpo está constantemente sujeito a alterações do padrão de normalidade de equilíbrio, seja pelo sedentarismo, pela modernidade que nos mantém em posições erradas durante a maior parte do tempo, pelos movimentos repetitivos executados por anos, ou até pela atividade física inadequada.

Considerando que nosso sistema musculoesquelético funciona como uma unidade única, quando esse padrão de normalidade está alterado, origina-se um desequilíbrio musculo-articular num efeito dominó, gerando ações musculares compensatórias e surgindo então, as síndromes e lesões, muitas vezes distantes da origem do problema.
Quando há dor, o processo já está instalado e sua recuperação pode ser lenta e penosa, podendo chegar a nível cirúrgico e às vezes, nem assim se recuperarem. Além disso, limita-se a amplitude de movimento tanto nas atividades diárias quanto na prática de atividades físicas, alterando ainda mais o padrão de movimento e agravando o problema.

A situação pode ser amenizada com uma avaliação minuciosa, onde identifica-se possíveis alterações posturais, além dos desequilíbrios de força e flexibilidade. Através de uma seleção específica de exercícios e preocupando-se com a causa do problema, reorganiza-se as cadeias musculares e todo o padrão postural, recuperando o indivíduo e prevenindo futuras lesões.

Denise-BoletaDenise Boleta
CREF 02730-G/MG
17 anos de profissão
Proprietária do Studio Denise Boleta
Professora de Treinamento Funcional e Pilates Fitness
Graduação:
Educação Física – UNESP
Pós-Graduação:
Fisiologia do Exercício e Prescrição
de Treinamento Biomecânica da
Atividade Física e Saúde

Febre Amarela

Febre Amarela

A Febre Amarela é uma doença causada por um vírus transmitido através da picada de mosquitos da espécie Haemagogus ou Sabethes em ambiente de matas. A maioria das pessoas atingidas não apresentam sintomas importantes sendo que os sintomas (febre, dores pelo corpo e dores de cabeça) desaparecem em poucos dias. Entretanto sintomas mais graves como hemorragia, falência do fígado e rins podem acontecer. Nos casos graves o risco de morte é elevado, de mais de 50%. Desde 1941 não temos casos registrados em cidades, estando a doença restrita a áreas de florestas. No início deste ano foi observado um aumento expressivo no número de casos da doença, inicialmente localizado no leste de Minas e posteriormente observado em várias áreas da região Sudeste. Tal aumento se deve a alguns fatores como: baixa cobertura vacinal (principalmente de pessoas que entram em região de florestas a lazer ou trabalho), áreas urbanas cada vez mais próximas de regiões de matas, detecção tardia dos casos da doença em primatas não humanos (macacos) que funcionam como sentinelas, avisando quando e onde a doença está circulando além de outros fatores.

Desde a década de 30 contamos com vacina que combate essa doença. Essa vacina é feita de vírus da febre amarela atenuada, é muito eficaz, mas devido ao fato de ser de vírus vivo tem alguns cuidados para sua aplicação. As reações quando presentes geralmente acontecem na primeira dose da vacina, sendo na maioria das pessoas bem tolerada. São contra indicações para a aplicação: pessoas com baixa imunidade, pessoas em uso de medicamentos que diminuem a imunidade, gestantes e crianças menores de 6 meses. Para pessoas acima de 60 anos nunca vacinados é importante uma avaliação médica para analisar as condições de saúde da pessoa. Para aqueles já vacinados com uma dose, o reforço costuma ser mais tranquilo e sem grandes efeitos adversos. Para uma resposta adequada 2 doses da vacina são suficientes, em adultos com intervalo de 10 anos e para crianças uma dose aos 9 meses (em situações de risco a partir de 6 meses) e um reforço aos 4 anos de idade. As reações mais comuns são dor e inflamação no local da aplicação, febre, dores pelo corpo e dores de cabeça. Em alguns casos as reações podem ser mais severas e a pessoa pode ter a doença causada pela vacina. É muito importante a vacinação para o controle da doença, preservação das áreas de mata e também o controle do mosquito Aedes Aegypt, mosquito que está presente nas cidades e pode transmitir a doença nas áreas urbanas.

Gripe
Com a chegada do outono, as temperaturas ficam mais amenas, o que é um ambiente propício para a proliferação de doenças respiratórias. Dentre essas doenças uma das mais comuns é a gripe, que é causada por um vírus chamado Influenza que possui vários subtipos. A vacinação é anual porque a cada ano os subtipos mais prevalentes mudam, então a cada ano a vacina para Influenza sazonal também muda. A partir de 2010 a vacina para o subtipo H1N1 foi incluído e repetido anualmente. O H1N1 foi responsável nos anos anteriores pelo maior número de casos da doença e também pelo maior número de complicações. A vacinação é muito importante para o controle da doença, assim como medidas de higiene pessoal e do ambiente. Evitar ambientes fechados também é de fundamental importância.

A vacina é feita de vírus inativado, podendo ser usado em crianças a partir de 6 meses de idade, gestantes, idosos, pessoas com doenças crônicas (que seriam os grupos mais suscetíveis) e na população em geral. Tem poucas contra indicações, como alergia ao ovo (a vacina é produzida em células de embrião de galinha), presença de febre (que é uma contra indicação para aplicação de qualquer vacina) e uso de medicamentos imunossupressores (que diminuem a defesa) em altas doses. A vacina é segura e por ser feita de vírus inativado tem poucos eventos adversos observados.

Laserterapia

Laserterapia

LASER é uma sigla em inglês que significa Light Amplification by Stimulated Emission of Radiation, ou em bom português, luz amplificada por estimulação de emissão de radiação. Mas deixando de lado as explanações físicas, e indo direto a sua aplicação na área medica o LASER é usado tanto na cirurgia e na terapia, ou seja, sua aplicação abrange uma grande quantidade de procedimentos. Na odontologia usamos para acelerar processos de cicatrização em feridas cirúrgicas, diminuição de dores pós-operatórias, diminuição de edemas (inchaços) pós-cirúrgicos, tratamento de lesões de boca, como herpes, estomatites e muitas outras patologias. Em aceleração de reparação de injurias de nervos, que podem acontecer em diversos tratamentos cirúrgicos dentro da boca, remoção de dentes do siso e implantes, como exemplos e também nas dores decorrentes de distúrbios da ATM (articulação temporo mandibular).  Atualmente usamos o PDT (photo dynamic therapy) ou terapia foto dinâmica, em que o LASER é usado em conjunto com um corante (azul de metileno ou azul de toluidina) para a destruição de bactérias em região em volta do dente ou em torno de implantes. Tornando-se assim como se fosse um “remédio” físico. A aplicação de LASER é feita localizada e pontual na sua maioria das vezes, tem um tempo de aplicação curto, durando por volta de segundos por aplicação, e praticamente destituído de contra indicações, estamos a disposição para maiores esclarecimentos.

HARMONIZAÇÃO ORO-FACIAL

A harmonização orofacial compreende a utilização de materiais preenchedores orofaciais, toxina botulínica e fototerapia, no sentido de melhora do equilíbrio entre função e harmonia da face. Há varias possibilidades de tratar o individuo para alcançar essa condição, pacientes que apresentam algumas alterações no sorriso, que expõem muito a gengiva, o chamado sorriso gengival, presença de músculos da mastigação exagerados, dando um contorno exagerado ao rosto e dores decorrentes de DTM (distúrbios temporo mandibulares) são as grandes indicações funcionais para emprego dos materiais de harmonização, temos outras indicações para os mesmos, consulte-nos e teremos o prazer em explicar quais são.

Dr. Aldo Silva MayrinkDr. Aldo Silva Mayrink
CRO – MG 14.884

• Cirurgião – Dentista especializado em Cirurgia e Traumatologia Buco-Maxilo-Facial
• Chefe do Serviço de Odontologia Hospitalar da Santa Casa de Misericórdia de Poços de Caldas
• Professor do Curso de Aperfeiçoamento de Cirurgia e Implantes do CEPPTO – Poços de Caldas
• Profissional com dedicação exclusiva a Cirurgia de Boca e Face a mais de 30 anos.

Rua Maranhão, 221, cj 15, edifício Acropolis – Centro – Poços De Caldas
(35) 3721-9449 | (35) 3721-3443

Escleroterapia por espuma densa de polidocanol

Escleroterapia por espuma densa de polidocanol

Também conhecida por técnica de Tessari, consiste no tratamento de varizes em que se usa um agente esclerosante, denominado polidocanol. A Escleroterapia se iniciou concomitante com o desenvolvimento das seringas hipodérmicas. Em 1853 Pravas e Wood apresentaram uma ferramenta capaz de injetar substâncias intramusculares e endovenosas. Muitos produtos foram injetados em veias no intuito de seca-las. Por isso o nome do tratamento é chamado Escleroterapia, derivado do grego, skleros (endurecer).

Fármacos como álcool absoluto (1840), derivados do iodo (1853), formol (1900), mercúrio (1920), foram testados. Alguns obtiveram sucesso relativo e outros com total reprovação. Manchas e úlceras eram provocadas assim como efeitos colaterais graves. Isso fez o método cair em descrédito até a década de 70, quando se desenvolveu o uso da metil ethanolamina (etamolin). Com indicação para vasos até 2 milímetros e nas mãos de hábeis escleroterapeutas, consistia em um método muito bom e de mínimos efeitos indesejados.

Pouco tempo depois a glicose, um diluente para o ethamolin, começou a ser usada em concentrações maiores com bons resultados. Outros produtos surgiram, como polidocanol e glicerina crômica. Esse tratamento persistiu por mais de uma década apenas como finalidade estética, uma vez que a cirurgia das veias maiores, de 5 milímetros, é o padrão ouro para tratamentos tanto curativos quanto estéticos.

Porém, alguns pacientes não respondiam mais satisfatoriamente a tratamentos cirúrgicos. Aqueles que já tinham sido por várias vezes operados, outros que sofreram muitas crises de tromboflebites ou outras inflamações como celulites e erisipelas, apresentavam um endurecimento na pele (dermatofibrose). Assim, as cirurgias não tinham um efeito terapêutico eficaz. Nesses casos a Escleroterapia por espuma se mostrou muito mais efetiva, com capacidade de resolução para agir onde não conseguia-se com os bisturis.

Atualmente, a Escleroterapia por espuma vem se firmando como um processo terapêutico muito eficaz para o tratamento de varizes de difícil resolução, úlceras de estase desencadeadas por varizes superficiais e para hemorragias por velas de pernas. Ele consiste em um tratamento mais econômico, porque dispensa internação e repouso. O paciente deverá deambular (caminhar), logo após o termino da sessão e permanecer com contensão elástica por uma semana.

Ainda existe alguns detalhes que impedem o uso em todos os casos, pois podem ocorrer manchas no trajeto da veia que foi tratada. Casos como de pessoas que costumam usar roupas curtas ou querem um tratamento mais estético, a indicação ainda é escleroterapia convencional, para vasos até 3 milímetros e cirurgia de microvarizes para as demais.

Dr. Richardson FontellaDr. Richardson Fontella
Especialista em cirurgia vascular pela SBACV

Doenças do aparelho circulatório
Cirurgias vasculares
Úlceras de pernas
Varizes
Pé diabético
Utrassonografia vascular

Rua: Piauí, N°461 – Centro
Tel: (35) 3721-7651
(35) 3714-7418

Celebre a Páscoa com chocolate e sem espinhas

Celebre a Páscoa com chocolate e sem espinhas

Pode comer sem culpa, mas é preciso ter alguns cuidados com a limpeza da pele; saiba como escolher o chocolate mais saudável.

Páscoa é tempo de celebrações religiosas, reuniões familiares e muito chocolate. Para as pessoas que têm tendência à acne, essa também é uma época que pode trazer problemas para a pele. Mas dermatologistas afirmam: com cuidados específicos é possível comemorar a Páscoa sem abrir mão do chocolate e sem comprometer a saúde e beleza da pele.
Não precisa abrir mão do chocolate na Páscoa, mas faça escolhas inteligentes para não se arrepender.

Embora não existam estudos científicos que comprovem uma ligação direta entre o consumo de chocolate e o aparecimento de acne ou espinhas, alimentos muito gordurosos e com alto índice glicêmico podem sim piorar o processo inflamatório da pele e aumentar a produção das glândulas sebáceas. O chocolate se encaixa nos dois casos: tem muita gordura e alto índice glicêmico.
Isso não quer dizer que o chocolate seja um alimento proibido. “O chocolate não é um vilão. É um alimento muito rico em flavonoides, que são antioxidantes e fazem bem para a saúde, inclusive da pele”, explica Dr. Ricardo Villela. Para evitar o aparecimento de cravos e espinhas sem abrir mão do chocolate, o mais importante é a moderação. “Pode comer sem culpa, mas não coma mais de 100 gramas de chocolate por dia”, aconselha Villela.

É melhor dar preferência aos chocolates amargos, com maior concentração de cacau e menos gordura que as versões ao leite. O chocolate branco deve ser a última opção: não contém pasta de cacau, só a manteiga, e é o mais gorduroso de todos. “Chocolates com castanhas ou amendoim também têm mais gordura que os chocolates comuns, e devem ser evitados”, diz Dr. Ricardo.

Além da moderação e de escolher o chocolate certo, preste atenção nos cuidados com a limpeza da pele. Lavar o rosto duas ou três vezes por dia ajuda a controlar a oleosidade. Deve ser usado um sabonete específico para o rosto, que pode ter ativos como ácido salicílico, extratos vegetais ou enxofre. Os cuidados devem ser constantes, e não apenas na época em que se come mais chocolate.

Se as espinhas já apareceram, mantenha os dedos longe delas. “Nada de espremer espinhas ou utilizar receitas caseiras”, alerta Villela. O tratamento da acne deve ser acompanhado por um médico. “Podemos receitar remédios via oral, pomadas e loções. Mas o tratamento de acne é individualizado, de acordo com a necessidade de cada um”, explica.

Limpezas de pele feitas por profissionais podem ajudar a recuperar a pele que já tem acne, mas devem ser recomendadas por médicos dermatologistas. “Como cada pessoa precisa de um cuidado específico, não é recomendável procurar diretamente um esteticista. O tratamento deve ser orientado por um médico”, alerta Dr. Ricardo Villela.
Cuide-se

LANÇAMENTO NOVO TRATAMENTO TÓPICO ESPECÍFICO

Acne da mulher adulta
DUO RETIX W serum
Duo Retix Woman, sérum para o tratamento da acne na mulher adulta. Cosmética SERUM adaptada a pele da mulher adulta.
Para pele mista e oleosa com tendência a acne.
Sempre consulte seu especialista antes de adquirir quaisquer tratamentos.

Ricardo VillelaDr. Ricardo Villela
CRM-MG 39964

Rua Rio Grande do Sul – 1402
Centro | Poços de Caldas – MG
(35) 3712-8567 / 3064-2353
(35) 98409-9843

www.villevisage.com.br
atendimento@villevisage.com.br

As muitas razões para fazer sexo

As muitas razões para fazer sexo

O corpo humano é uma máquina profundamente sofisticada que precisa ser usada – e usada apropriadamente – para que possa funcionar da melhor forma possível. Numerosos estudos médicos tem demonstrado que o uso correto dos órgãos e sistemas individuais reduz os riscos de doenças. Por exemplo, o exercício aeróbico fortalece o sistema cardiovascular. Levantar pesos melhora o tônus muscular e a integridade dos ossos. Mulheres que amamentam seus bebês têm menos chance de desenvolver câncer de mama do que aquelas que usam mamadeiras. Como qualquer parte do corpo, quanto mais corretamente usarmos nossos órgãos sexuais mais saudáveis seremos. Logo, a melhor maneira de evitar distúrbios sexuais é fazer amor com frequência, usando técnicas que tornam o ato revigorante e não exaustivo.

Os Terapeutas Sexuais aconselham aos homens com problemas de ereção a serem mais ativos sexualmente, e não menos, porque a excitação sexual aumenta o fluxo de oxigênio para o tecido peniano, permitindo ereções mais firmes. Uma vida sexual ativa também contribui para elevar os níveis de testosterona, o que resulta num impulso sexual mais forte. Para as mulheres, os estudos indicam que o sexo regular pode ajudar a estabilizar os ciclos menstruais irregulares. Do mesmo modo, para as mulheres passando pela menopausa, a atividade sexual reduz a frequência e a intensidade dos calorões e reduz a possibilidade de atrofia dos tecidos da vagina.

As recompensas que uma vida sexual ativa traz para a saúde vão além das áreas do corpo que associamos ao sexo. Por exemplo, pesquisas indicam que o sexo regular ajuda as mulheres a manterem os níveis adequados de estrogênio. Um nível mais alto de estrogênio está correlacionado com um bom preparo cardiovascular, saúde emocional, risco reduzido de osteoporose e outros benefícios. Algumas pesquisas recentes, também demonstram que um sexo vigoroso pode oferecer um pouco do valor associado ao exercício aeróbico, tal como melhorar a circulação, fortalecer o coração e os pulmões, reduzir o estresse e reforçar o sistema imunológico.

Também sabemos que o sexo estimula a liberação de endorfinas, os químicos cerebrais similares ao ópio, que reduzem a dor e geram sensações de bem estar. Como a maioria de nós já notou, o sexo pode ser um poderoso redutor de tensão. Se tudo isso é verdadeiro com referência ao sexo casual, imagine o que uma relação sexual com alguém que você ama pode fazer.

Fazer pouco sexo ou fazer um sexo incorreto pode contribuir para que se contraia doenças. O que se quer dizer com o sexo incorreto? Obviamente, sexo que é abusivo, explorador, coercitivo ou violento, mas também o sexo cujo objetivo é aliviar a tensão (usar o sexo para aliviar a tensão é como comer apenas para encher a barriga); sexo que é destituído de emoção, depressivo ou melancólico; sexo que é insatisfatório ou frustrante fisicamente; sexo que é rápido demais ; sexo que é entediante ou monótono; sexo que é fisicamente esgotante ou exaustivo; sexo com um parceiro inapropriado ou num momento inapropriado (por exemplo, quando a pessoa está cansada ou digerindo uma grande refeição).

Até mesmo as experiências que a maioria das pessoas chamaria de sexo bom podem ser um pacote misto, produzindo efeitos colaterais negativos juntamente com prazer e alívio, quando as condições não são corretas. A longo prazo, esses efeitos colaterais podem contribuir para o aparecimento de problemas físicos e psicológicos que, podemos jamais perceber, estão ligados ao sexo.

FAZER AMOR GERA MAIS AMOR
A paixão sexual intensifica a ligação emocional entre amantes. Em qualquer relacionamento de longa duração, cada parceiro tem traços de personalidade que o outro gostaria de ver desaparecer. Mas raramente isto acontece. Portanto, será de grande auxílio se, quando as características irritantes surgirem, você se concentrar em tudo que é adorável em relação a seu cônjuge. A atividade sexual facilita isso. Ela altera a química do sangue, causando efeitos sutis na percepção, que elevam o julgamento e o senso de realidade da pessoa. A visão da pessoa se volta daquilo que é irritante para o que é magnífico.

O amor erótico também serve como um tônico calmante quando as coisas ficam difíceis, fortalecendo sua ligação emocional e restaurando a intimidade quando as circunstâncias ameaçam separá-los. Se um relacionamento é uma rede de segurança, fazer uma amor bem feito adiciona pontos a ela e fortalece sua fibra. Contudo, há vezes que fazer sexo nem sempre faz com que a pessoa se sinta mais amorosa. Na realidade faz com que se sinta zangada, ferida e humilhada.

Fazer amor também gera mais amor de uma outra maneira. A maior causa de problemas matrimoniais é o mal estar sexual. Com o decorrer do tempo, simplesmente ficamos entediados um com o outro. Maridos excitados reclamam das dores de cabeça de suas esposas. Esposas sensuais reclamam dos maridos cujos olhos ficam enterrados no jogo de futebol ou noticiários de negócios. Será inevitável? Será que a paixão tem de esmorecer com o tempo? De jeito nenhum. O mal estar sexual pode ser evitado e curado com doses liberais de habilidade e imaginação.

O motor do amor é abastecido pela variedade, criatividade e surpresa. Somos projetados para desfrutar o sexo e sermos confortados por ele. Quando abordada com amor e entusiasmo, a relação sexual dissolve a ansiedade, solidão e desespero. Um casal apaixonado que aprende a fazer sexo com amor, a ligação entre eles se intensifica, dissolvendo limites individuais e criando uma profunda experiência de unidade. Com isso vem uma percepção intensificada, apreciação e ligação com o resto da criação. Quando o sexo é praticado com arte e amor, ele vai permitir que usemos nossos corpos para nos elevar acima de nossa natureza animal e nos aproxima daquilo que é divino em nós.

Mas para atingirmos este estágio, precisamos estar alinhados de maneira saudável o nosso corpo, a mente e as emoções. Devido a esse alinhamento essencial de todos os aspectos de nossas vidas, a sexualidade é afetada pela nossa saúde física, pensamentos e emoções. Por sua vez, a sexualidade tem um impacto profundo e poderoso em nossos corpos, mentes, emoções e relacionamentos. Por isso a importância de buscar ajuda profissional para tratar das disfunções sexuais em sua vida. Procure dar o pequeno primeiro passo em direção à uma vida sexual prazerosa.

Leda C. SampaioLeda C. Sampaio
Sexóloga e psicóloga | CRP 21529/4

IMSEX – INSTITUTO MINEIRO DE SEXUALIDADE
Rua: Maranhão , 221 sala 31 – 3 andar – Centro – Edifício Acrópolis
Poços de Caldas MG
Email: clinicadesexualidade@gmail.com
Tel: (35) 37214955